Keith Haring criou pôsteres de protestos contra demonstrações nucleares e desigualdade racial. Levou arte para as ruas e metrôs, pintou creches, orfanatos e hospitais de graça, se envolveu com punks e poetas. Coloridas e a primeira vista divertidas, muitas de suas obras eram manifestações contra a homofobia. Em 89, fundou a Keith Haring Foundation para ajudar vítimas da AIDS, doença que tirou sua vida um ano depois, aos 31 anos. Leia mais